Brincar com massinha!

31-07-15

 

Material:

– 4 xícaras de farinha de trigo

– 1 xícara de sal

– 1 e 1/2 xícara de água

– 1 colher de chá de óleo

– corante para alimentos

 

Como Fazer

– Numa tigela grande, misturar todos os ingredientes e amassar bem até ficar boa para modelar.

– Guardar em saco plástico ou vidro bem tampado.

-Para dar cor a massinha, compre corante para alimento e pingue algumas gotas.

 

Como brincar:

– Estimular coordenação motora fina, musculatura das mãos e habilidades manuais

– Trabalhe com imaginação da criança. Estimule para que criei o que está no seu pensamento.

– Faça frutas, animais e objetos com massinha peça para que ela descubra. Depois faça ao contrário! Vai ser um brincadeira divertida de adivinhar.

Exercícios e qualidade de vida para mulheres grávidas

Leonardo - gestação

1-      Quais os benefícios do exercício durante gravidez?

O exercício é muito importante para a manutenção do nível de aptidão física na gravidez, pois com o passar das semanas há uma queda dessa condição física levando a gestante a um cansaço, principalmente ao final da gravidez. Exercícios melhoram e deixam a gestante mais disposta para manter sua rotina diária. Exercícios de fortalecimento dos membros inferiores, caminhadas, exercícios na água são muito importantes para a prevenção do edema, incômodo comum principalmente no final da gravidez.

2-      Quais as contra indicações?

Relativas: Hipertireoidismo, hipertensão ou diabetes tipo 1 não controlados; Obesidade extrema ou mórbida; Peso corporal extremamente baixo; Histórico de estilo de vida muito sedentário; Anemia severa; Bronquite crônica e Limitações ortopédicas.

Absolutas: Hipertensão induzida pela gestação (pré-eclâmpsia); Ruptura de membranas; Múltiplas gestações com risco de nascimento prematuro; Sangramento persistente no segundo e terceiro trimestre e Doença cardíaca significativa ou doença pulmonar restritiva.

3-      Com qual regularidade deve praticado os exercícios?

Devem ser realizados de 3 a 4 vezes por semana com duração de 40 minutos a 1 hora.

4-      Quais as contribuições para a recuperação pós-parto?

O tempo necessário para recuperar a figura anterior à gravidez é de 8 a 10 meses, em média. Portanto, conjugar hábitos alimentares equilibrados com exercício físico regular contribuem positivamente para a recuperação da forma física e para o bem-estar emocional. Na gravidez, as ações preventivas são bem mais eficazes do que atuar depois de os problemas se instalarem. Uma dieta saudável e equilibrada, exercício físico moderado, mas constante, e os cuidados diários vão ajudar a mamãe manter-se em forma e a ganhar apenas os quilos necessários para o bom desenvolvimento do seu bebê.

Entrevistado:

Leonardo Sapucaia Tosta Santos

Profissional: Fisioterapeuta

Conselho: 93.446-F

Especialização:Tratamento manipulativo da coluna vertebral e Didática e Metodologia de Ensino Superior

Atuação: Fisioterapia Esportiva, Reeducação Movimento, Ortopedia, Traumatologia e Docência

Área de atuação: Feira de Santana

Contato: (75) 8113-9786

email: professor.tosta@gmail.com

 

 

Aplicativo traduz o Português para a Língua Brasileira de Sinais (Libras)

Tecnologia desenvolvida em Alagoas utiliza um intérprete virtual

Hugo é o intérprete virtual do aplicativo HandsTalk, tecnologia desenvolvida em Alagoas.   (Foto: Globo)Hugo é o intérprete virtual do aplicativo HandsTalk, tecnologia desenvolvida em Alagoas (Foto: Globo)

Você conhece a sigla Libras? Ou já ouviu falar na Língua Brasileira de Sinais? Pois bem, essa é a principal forma utilizada por surdos para se comunicarem no Brasil. A sua utilização, no entando, ainda é restrita a pessoas com necessidades especiais, o que muitas vezes torna difícil a realização de tarefas do dia a dia. Mas graças ao trabalho de três jovens alagoanos, já existe um aplicativo capaz de traduzir o Português para Libras. Batizado de Hand Talk, ele foi eleito pela Organização das Nações Unidas (ONU) como “o melhor aplicativo social do mundo”.

A ideia surgiu de três amigos: o publicitário Ronaldo Feirreira,  o arquiteto Thadeu Luiz, e o analista de sistemas Carlos Wanderlan.

— Percebi que existiam pessoas com deficiência, que precisariam da tecnologia para tornar o seu dia a dia melhor. A cada dia que passa, a gente vai descobrindo mais e conhecendo melhor esse universo — explica Ronaldo. (veja o vídeo ao lado)

Para transmitir a Libras de forma correta, o aplicativo apresenta um intérprete virtual, o Hugo. Ele possui braços longos e mãos grandes, que facilitam a expressão corporal. Outro detalhe é que ele também possui uma cabeça enorme para deixar clara a visualização da expressão facial.

— A grande vantagem do Hugo é que ele pode ficar no bolso de qualquer pessoa. Você pode usá-lo a hora que desejar — diz Tadeu, um dos idealizadores do aplicativo.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), o Brasil tem cerca de 9,7 milhões de surdos, cerca de 70% deles tem dificuldades em ler e escrever em português. Por isso, a maioria destes utilizam a Libras para se comunicar. Desde 2002, a legislação brasileira reconhece a Libras como a lingua oficial do país, junto com o Português.

Tem dúvidas sobre a reportagem? Quer mandar sugestões ou elogios? Entre em contato através do https://falecomaredeglobo.globo.com/

https://grupomaocriativa.wordpress.com/wp-admin/post-new.php

O tema é… Inclusão no Brasil

No estúdio, a procuradora regional da República Eugênia Augusta Gonzaga, fala sobre a Lei de Inclusão da Pessoa com Deficiência

No estúdio Mariana Ferrão recebe a procuradora regional da República, Eugênia Augusta Gonzaga (Foto: Globo)No estúdio, Mariana Ferrão recebe a procuradora regional da República Eugênia Augusta Gonzaga (Globo)

A inclusão social é um conjunto de meios e ações que combatem a exclusão aos benefícios da vida em sociedade. Por isso, muitos instrumentos de processos para promover a inclusão estão previstos em leis antigas e mais recentes, inclusive um sancionada no dia 6 de julho, a Lei de Inclusão da Pessoa com Deficiência.

E para falar sobre esse assunto, o Como Será? recebeu no estúdio, a procuradora regional da República Eugênia Augusta Gonzaga, também autora do livro “Direito das pessoas com deficiência”. No bate-papo com Mariana Ferrão, ela abordou temas como o direito à educação e o exercício da capacidade civil, além de responder perguntas enviadas pelos telespectadores.

— Essa lei, primeiro fez uma compilação daquilo que a gente já tinha de avanços no Brasil em legislação. E fez mais que isso. A nova lei trouxe para a legislação interna do país, tudo que constava na Convenção da ONU sobre Direitos de Pessoas com Deficiência. O país já tinha assinado a convenção, mas ainda não tinha mudado as leis internas para se adequar —  explica.

Eugênia respondeu perguntas do público, como a do motorista Jaime Nascimento, que quis saber para quem ele deve denunciar se a Lei para Deficiente não for cumprida:

— Se a questão for relacionada ao trabalho,  a denúncia deve ser feita às Delegacias Regionais do Trabalho ou Ministério Público do Trabalho. As outras questões relacionadas ao dia a dia (vagas de estacionamento, acessibilidade etc) devem ser denunciadas para o Ministério Público Estadual. E quando o assunto for relacionado a orgãos federais (INSS, Universidades etc), as denúncias devem ser feitas oo Ministério Público Federal — orientou.

E você, tem alguma dúvida sobre direitos da pessoa deficiente? Envie suas perguntas para o VC no Como Será? que elas serão respondidas no site do Como Será? ao longo da semana.

http://redeglobo.globo.com/como-sera/noticia/2015/07/o-tema-e-inclusao-social-no-brasil.html

Vamos fazer carimbos com material reciclável? Veja como vai ser divertida essa brincadeira.

24-07-15

Material:

– Pote de Yakult

– tinta guache

– barbante

– espuma

Como fazer:

–  coloque tinta guache dentro do pote de Yakult

– Recorte um pedaço de espuma em formato circular

– Prenda espuma  amarrando com barbante

 

Como brincar:

-Brincadeira que vai trabalhar coordenação motora fina da criança, criatividade e conceito de cor.

– Estimule curiosidade e criatividade das crianças. Peça para que descubra o que é o brinquedo.

– Mostre para ela como brincar com o carimbo.

– Você pode pedir para criança deslizar o pote sobre a folha. Estimule para fazer desenho de figuras e números.

-Pedir para criança aperta o pote sobre a folha, fazendo batidas na folha. Misturando as cores. Fazendo um verdadeiro mosaico de cores.

 

Tendinite Patelar

Leticia - tendinite patelar

1- Explique o que é tendinite patelar.

A tendinite patelar é uma inflamação do tendão da patela, que se localiza na região do joelho, sendo muito comum em atletas e, em especial, de algumas modalidades esportivas como o voleibol e o basquetebol.

2- O que causa tendinite patelar?

A principal causa se dá em virtude a microtraumas repetidos, que podem ocorrer devido a desequilíbrios musculares ou fadiga, alterações nos exercícios, erros de treinamento ou uma combinação de vários desses fatores. Além de movimentos repetitivos de extensão brusca do joelho em virtude da contração do músculo quadríceps, comum em atividades que requerem corridas e saltos.

Além do tipo de calçado, execução incorreta do gesto esportivo, alterações anatômicos (joelho varo, valgo ou dismetria dos membros inferiores), treinamento muito pesado, superfície de jogo muito rígida e desequilíbrios musculares.

Sinais e sintomas:

– dor dor à palpação no pólo inferior, terço médio patelar ou junto à tuberosidade da tíbia e superior do joelho (ligamento patelar);

– claudição,

– crepitação,

– edema no tendão ou ligamento patelar,

– encurtamento dos músculos isquiotibiais e tríceps sural,

– alteração de sensibilidade em torno do tendão inflamado,

– surgimento de hematomas no joelho,

– dificuldades em realizar flexo-extensão da perna (dobrar e esticar),

– dificuldades para andar, correr ou saltar em virtude da dor,

– alterações na funcionalidade, prejuizo na execução de atividades diárias e déficit na qualidade de vida.

3- Como evitar?

Antes de iniciar a atividade física, é recomendado avaliação com médico ortopedista e fisioterapêutica para determinar e corrigir possíveis alterações nos sistemas cardiorrespiratório e, nesse caso, ortopédicos. Também é indispensável o uso de calçados adequados, não exagerar nos treinos, escolher adequadamente o tipo de esporte indicado e a superfície em que será realizado.

4-  Quais os objetivos do tratamento da fisioterapia?

Os objetivos: melhora da dor, melhora da flexibilidade, promover fortalecimento muscular, correção/adaptação das alterações músculo-esqueléticas e melhora da funcionalidade e qualidade de vida.

5-      Quais os recursos e órtese que podem contribuir para o tratamento?

Eletroacupuntura, eletroterapia (Laser e Ultrassom): auxiliam na cicatrização e na diminuição da inflamação do tendão, aplicação de compressas de gelo, Kinesio tapping, Órtese em neoprene para diminuir as forças resistivas no joelho, Joelheira com orifício patela, medicações analgésicas e antiinflamatórias (indicados pelo médico).

Entrevistada: Letícia de Oliveira Rocha

Profissão: Fisioterapeuta

Especialização:

– MBA em Marketing e Vendas, FMU (1/2015) – finalizada,

– Fisioterapia em Terapia Intensiva, PhysioCursos com chancela pela Sobrati (1/2016).

Atuação profissional: Atendimentos domiciliares em ortopedia, traumatologia e reumatologia, neurologia e cardiorrespiratório. Além de treinamentos em equipamentos de laserterapia e criolipólise.

Região de atendimento: São Paulo (Centro e região sul)

Telefone Contato: (11) 98468-0621 (whatsapp)/ 2534-7276 (fixo)

e-mail: leticiafisio0209@hotmail.com